TESTO

Preste atenção: Cansaço e indisposição, ansiedade, queda da libido e redução do desempenho sexual, dificuldade para ganhar massa muscular e para perda de gordura, aumento de peso, alterações do humor, piora da memória… Você sofre com alguma dessas queixas ou conhece alguém que as apresenta? Então leia até o final que eu vou te mostrar o motivo pelo qual você pode estar apresentando uma DOENÇA, cujo tratamento pode MUDAR SUA VIDA.

E o tema de hoje é… deficiência de TESTOSTERONA! Esse que é o principal hormônio masculino e também extremamente importante nas mulheres, porém hoje vamos nos focar nos sintomas que podem estar presentes nos homens.

A queda de testosterona tem sido cada vez mais comum mesmo em idades jovens, devido a problemas como maus hábitos, perda de sono, stress crônico, presença de disruptores endócrinos e xenoestrogenios que alteram seus hormônios, entre outros fatores que uma hora ou outra acabam sendo inevitáveis no mundo moderna.

Acontece que apresentamos uma alteração hormonal progressiva com a idade, e na maioria dos casos, ao invés de ser feita a investigação adequada dos sintomas, são realizados diagnósticos de Depressão, Ansiedade, o ganho de peso é por “falta de vergonha na cara”… e eu vou te mostrar por que a falta de tratamento pode ser perigoso para você.

Como saber se você tem testosterona baixa

Para saber se você tem testosterona baixa, primeiro precisamos avaliar se você tem algum sintoma, e depois confirmamos o diagnóstico por meio dos exames laboratoriais.

Sinais e sintomas de Testosterona baixa

Aqui coloco os principais sintomas relacionados a queda da Testosterona. Lembrando que cada pessoa é diferente e você pode ter níveis baixos apresentando apenas uma ou outra queixa da lista:

  • Cansaço e indisposição
  • Aumento da ansiedade
  • Queda da libido e redução do desempenho sexual
  • Problemas de ereção
  • Perda de força e de massa muscular
  • Apatia e alterações de humor
  • Insonia e distúrbios do sono
  • Dores articulares e musculares
  • Menor resistência ao esforço físico
  • Ganho de peso
  • Piora da memória e declínio cognitivo

Exames de testosterona

Para confirmar o diagnóstico, precisamos realizar ao menos o exame de Testosterona Total. Aí entra a discussão: o quanto significa testosterona baixa?? Alguns laboratórios vão colocar o limite de 300, 250, 200.. MAS ESSE É APENAS O VALOR LABORATORIAL! Se você tem uma testosterona de 350 e apresenta vários dos sinais e sintomas, não vai tratar?? O valor de referência é um cálculo matemático e cada pessoa deve ser avaliada individualmente. Lembre-se: o que você sente é muito mais importante que um número em um papel.

Também devemos dosar ao menos SHBG, Testosterona livre, LH e estradiol, correlacionando os valores para diagnosticar a causa correta e prescrevermos o melhor tratamento.

Perigos da testosterona baixa

Importante: a testosterona baixa não vai apenas te deixar mais cansado, com piora do desempenho sexual e com aumento de peso. Também está relacionada com o aumento no risco de várias doenças:

  • Hipertensão arterial
  • Depressão (muitas vezes CONFUNDIDA com deficiência de testosterona)
  • Diabetes
  • Osteoporose
  • Obesidade
  • Infarto e doenças cardiovasculares
  • Doença de Alzheimer

Entre outras…

Como tratar testosterona baixa

O tratamento pode ser feito de modo a repor diretamente a testosterona por meio de gel transdérmico ou medicações injetáveis, usando medicações, vitaminas, minerais e fitoterápicos para estimular a sua produção natural ou bloqueando, por exemplo, a conversão de Testosterona em estradiol em casos específicos. Por isso a importância de uma avaliação INDIVIDUALIZADA para o resultado adequado. Mas existe um consenso entre os mais de 300 pacientes que atendi com o objetivo de reposição hormonal: o homem sem testosterona perde suas características. Não é a mesma pessoa. O tratamento adequado pode mudar sua vida.    

Se você deseja passar por uma avaliação individualizada, clique abaixo e realize seu pré-agendamento, que iremos entrar em contato assim que possível!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.